10.10.10

Poema I

A morte se desvia para o vermelho