21.3.09

Convidado Wilmar Silva



Foto: Sebastián Moreno



Convidamos o poeta Wilmar Silva que escreve uma poesia de desconstrução da linguagem reiventando-a sob escamas de serpente - pois a serpente se move na terra e a poesia de Wilmar se move no corpo do papel -, uma poesia que lida em voz alta, ou em silêncio, rompe com a estrutura da palavra. Abaixo alguns de seus poemas que compõem o livro Anu e outros inéditos.


Nenhum comentário: